quinta-feira, julho 30, 2015

Como assim?

O melhor debate que eu participei no curso de sociologia, especialmente nas disciplinas de ciência política, foi sobre o mito da neutralidade. Aprendi - naquela distante época - que não existe neutralidade, todos nós refletimos influências de nossas formações. Esse debate emergiu quando refletíamos sobre o engajamento ou não do cientista social, se ele devia ou não tomar posição nos fatos sociais que se apresentavam.


Já na universidade da vida, defrontei-me com outro fato social concreto, um outro debate sobre neutralidade. Esse, altamente cínico, envolvia principalmente o meio jurídico e o jornalismo. 


Existe uma corrente no jornalismo - principalmente - que imagina que as pessoas sejam bobas. Essa corrente, tenta mascarar os fatos a partir de um discurso supostamente neutro; mas na produção discursiva, produz um texto altamente simpático sobre determinado assunto, induzindo às pessoas, jogando com a opinião pública, e depois dizendo-se neutro. Na verdade, trata-se apenas de um jogo duplo que esconde o medo de assumir claramente uma posição na sociedade. 


Os jogos de linguagem nas construções discursivas jornalísticas prosperam dependendo do nível de mediocridade de um povo. Pessoas - como um mínimo de lucidez - logo sacam o embuste e a armadilhas teóricas escondidas atrás de supostas neutralidades. 

As assim chamadas "duas versões", produzidas por algum discurso jornalístico, tenta contrariar a própria essência da natureza humana: ninguém é totalmente neutro. Todos nós refletimos nossas influências, nossa base familiar, nossos valores éticos e morais, a influência dos valores dos nossos pais, a influência da religião, da escola, da imprensa, dos autores que lemos, os costumes da região onde vivemos...

Infelizmente, no Brasil, grassa essa escola cínica; prefiro os jornais dos Estados Unidos que não escondem o jogo, não são cínicos, ou são republicanos ou são democratas, têm posição, ponto final, quem gosta os lê e quem não gosta não os lê. É tão simples. Ou lê ambos para ser bem informado. 

Ademais, defendo que os Homens e Mulheres sejam sinceros, como um princípio ético diante da Vida. É claro, reconheço que existem muitos temas que se apresentam que a gente fica indeciso. Cotas raciais nas universidades; só eu sei o quanto eu baixei textos e li sobre esse assunto. Adoção por casais gays, outro assunto complexo, assunto que exige leituras. Outro dia, travamos uma bela discussão com o Bianchini  sobre a legalidade ou não das drogas. Ele riu de mim ao constatar que eu tinha a mesma posição do Fernando Henrique Cardoso, mas é assim, eu cheguei a essa posição lendo, estudando, analisando opiniões, medindo, pesando. Sobre a existência de vida após a morte, por exemplo, duvido que alguém leia sobre esse assunto mais que eu...leio, leio, leio. Já outros assuntos, mais palpáveis, mais fáceis de embasar uma posição, sobre esses mais fáceis é a tomada de posição.



Por exemplo, acho complicado esse discurso  que sustenta que o ensino superior em Santiago começou com a Ilustre Professora Aida Bochi e seu grupo político. Mas o que é isso? Isso é negar toda a história daqueles idealistas que lá, em 1969, criaram a faculdade de filosofia, ciências e letras de Santiago como uma extensão da UFSM. Em 1970, tínhamos faculdade em Santiago, tínhamos pessoas como Jader Saldanha, Maximiliano Stacowiski, Enio Kinzel, Ivo Pauli, Joel Girelli, Juarez Biermann...homens como Osvaldo Kempa, presidente da Trítícola, que patrocinou a primeira biblioteca para a faculdade local.



Se quisermos ser honestos, precisamos nos dobrar a força histórica da luta dessas pessoas e reconhecermos que só existe ensino superior em Santiago graça a eles; foram eles, que ao longo dos anos, com rifas, doações, risotos, carreteiros, quermesses, trabalho e dedicação árduos ao longo dos anos, das décadas, conseguiram manter uma faculdade, organizar um patrimônio para a Fundação Educacional Santiaguense - FESAN - aliás, um patrimônio nosso, santiaguense. 


Depois que tudo isso estava criado, que as bases estavam lançadas, que tudo estava pavimentado é que apareceu aqui em Santiago, um outro grupo docente, para aqui integrar-se naquilo que os santiaguenses haviam criado e edificado ao longo dos anos. 

Foi esse mesmo grupo o responsável pela entrega do FESAN local para a FURI de Erechim. E quem duvidar do que digo, que leia a transferência patrimonial esboçada no Parecer 0069.03/CUN/93, de 23 de outubro de 1993, sendo que a Fundação da URI passou a ser mantenedora de todos os cursos atuais da URI. E o MEC, através da Portaria 1161/94, de 02 de agosto de 1994, reconheceu a aprovação da inclusão do campus de Santiago como patrimônio de Erechim. 

Só não sei bem a área do Jardim Botânico, que o Deputado Bianchini defende o aproveitamento como um porto seco, mas foi doada pelo município de Santiago para o FESAN e não para a FURI. O FESAN foi reativado e deve ser o dono legal da área.  

Como assim?  

Em 04 de maio de 2009


Otto Gampert e o meio ambiente

Um dos mais brilhantes filhos de Jaguari, Otto Gampert, a quem tive o prazer de conhecer em vida, concedeu uma entrevista ao Jornal O Repórter, de Santiago, dia 06 de abril de 1979. 
.
Em duas páginas, falando sobre meio ambiente, Otto dá um show. Li atentamente a íntegra da entrevista e suas posições são de vanguarda, futuristas e parecem saídas dos atuais e modernos discursos ambientais.
.
O homem está morrendo com a natureza.
.
Gradativamente, com a derrubada das árvores. Com a caça criminosa dos nossos animais raros, com a distribuição indiscriminada de produtos químicos em nossas lavouras, com a proliferação de grandes indústrias a  poluírem o meio ambiente...o homem está matando a própria vida. Neste momento, a humanidade, em voz uníssona, grita que tudo isso precisa terminar e que a natureza precisa ser restabelecida.

.
.
Que precursor da defesa do meio ambiente tivemos em nossa região. Nessa época, com certeza, poucos atentaram para a relevância do seu discurso, hoje, tão moderno quanto atual e sintonizado com o grande pensamento ecológico mundial. Essa entrevista foi concedida no ano de 1979. 


quarta-feira, julho 29, 2015

Da perturbação dos recalcados

Esse é um blog pessoal, um diário virtual; nele, meu compromisso é com minha filha, com minha família e minhas anotações pessoais e políticas. Tenho alguns anos de atuação na internet, meu blog é um dos primeiros do Estado, assim como o Jornal A Hora on line data do ano de 2000. Um órgão de imprensa é uma coisa, um diário pessoal é outra coisa. Nunca pedi para ninguém ler o que escrevo, lê, quem quer. O que eu não imaginava é que os mesmos recalcados de sempre, perturbados com o que não lhes diz respeito, seguem na mesma cruzada doentia, querendo pautar minha vida. Minha vida, pauto eu. Tudo o que eu escrevo, tem meu nome embaixo e responsabilizo-me totalmente pelas linhas desse blog, mesmo que sejam brincadeiras, divertimentos, alegrias, dores, mágoas, críticas, sentimentos ... 

Existem pessoas que se perturbam com a existência dos outros. É próprio de espíritos baixos. Não vou mudar, exceto as mudanças que eu próprio entender necessárias. Química pura, não existe. Contradições, são próprias do ser humano. Verdade absoluta, não existe. Existem núcleos relativos de verdades. O próprio Alvaro Valls, escrevendo sobre ética, assevera que a própria ética é um valor local e regional; não existe uma ética universal, dogmática, absoluta, verdadeira e única. 

Nesse contexto é que me situo. Sou um aprendiz de jornalismo, gosto da arte de escrever, de publicar fotos, de contar historinhas e - eventualmente - escrever algum artigo de cunho mais rígido e sério. 

Não gosto de publicar acidentes, mortes e tragédias, mas isso não quer dizer que eu ignore tais acontecimentos. A rigor, não escrevo para tolos, o que não dizer que alguns  deles não passem lendo o que escrevo. Deriva-se daí um misto de ira com raiva; o que eles não entendem, insurgem-se contra.  É uma pena, não deveriam perder tempo lendo meu blog e depois rebuscando linhas para me atacarem. Não tenho a importância que me dão esses desafetos, aliás, não tenho importância nenhuma, mal entendo quando recebo e-mails contendo esses despautérios. A não ser que a minha condição de pobre seja um valor ... aí eu não entendo mais nada. 

Tem tanto coisa séria para se preocuparem e os dementes estão preocupados comigo, com meu KA ano 1999, e - talvez - sei lá, com minha filhinha, não acredito, com as peças onde eu alugo e moro, sei lá, isso é quase uma loucura, com a minha namorada, sei lá, ela passa o dia trabalhando e parte da noite...

É uma lástima o que está acontecendo com esse setor da comunidade. Melhor, seria achar o que fazer. 

Agosto, mês do Advogado, mês do meu aniversário, mês dos pais, anjos da humanidade

Descrição: Descrição: C:\Documents and Settings\aluz.OABRS.002\Desktop\brasao_pb1.gif
Ordem dos Advogados do Brasil
Conselho Seccional do Rio Grande do Sul
Rua Washington Luiz, 1110 - 13º andar
90010-460 Porto Alegre – RS
Fone/Fax: 51 3287.1800 - http://www.oabrs.org.br

Ofício nº 0016/2015                                                                                                                                                                                                                                                     Porto Alegre, 24 de julho de 2015.




Assunto: Mês do Advogado 2015

                       
Ilustre Presidente,

                                  
A Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional do Rio Grande do Sul de 01 a 31 de agosto de 2015, em comemoração ao Dia do Advogado, celebrado em 11 de agosto, estará promovendo mais uma edição do “Mês do Advogado”.

O evento é em parceria com a Caixa de Assistência dos Advogados (CAA/RS) e a Escola Superior de Advocacia (ESA), por meio das diversas Comissões da Seccional. Além de descontos em diferentes serviços, o mês terá uma extensa agenda de palestras e cursos presenciais, EaD e telepresenciais, visando integrar os profissionais de todo o Estado.

Neste sentido, solicitamos o apoio do (a) nobre colega, promovendo a divulgação através dos veículos de comunicação de sua Subseção. Enviamos o material gráfico do evento e o programa atualizado pode ser encontrado em nosso site, por meio do link: www.oabrs.org.br/mes-advogado.

Certos de sua atenção, colocamo-nos à disposição através do telefone (51) e-mail secretariaeventos@oabrs.org.br.

Por fim, agradecemos antecipadamente e renovamos nossos votos deelevado apreço.


Atenciosamente,




MARIA CRISTINA CARRION VIDAL DE OLIVEIRA
Secretária-Geral Adjunta da OAB/RS

-------------------------------------------------------------------

NOTA DO BLOG

Agosto será um bom mês para todos nós. É o mês dos Advogados e Advogadas, é o mês dos pais e também é o mês do meu aniversário, dia 12 de agosto. No horóscopo exotérico e cabalístico, os nascidos nesse dia não tem um anjo específico. Curiosa nossa situação, senão vejamos: 

Anjos da Humanidade
Esta hierarquia é chamada de "Senhores do Sacrifício". A energia por ela utilizada é a do poder do verbo: a linguagem. Foram assim denominados, porque, em outras vidas, deram um nível superior de consciência para o grupo em que viviam. Segundo Helena Blavatsky, estes seres seriam pilares de Luz, o princípio divino que está instalado na forma humana.
Se você faz parte dessa categoria deve estar se perguntando: "Então eu não tenho anjo?". A princípio não, pois você já tem uma essência angelical muito forte, em decorrência de atos humanitários, através dos quais sua própria vida foi doada em benefício de um grupo. Contudo, na hora em que você nasceu, havia um anjo presente para ajudá-lo nessa nova vida. Se você sabe o horário do seu nascimento clique aqui, se não souber, você pode escolher o anjo que será o seu guardião.
Somente a presença física das pessoas nascidas em 19/03, 31/05, 12/08, 05/01 e 24/10 consegue afastar oanjo contrário de uma família ou de um grupo. Quando ministro cursos em que participam pessoas nascidas nos dias governados pelos anjos da humanidade, eles transcorrem mais suaves e leves. Em nível cósmico, elas produzem a força total da consciência, dando uma combinação inteligente, o que de certa forma, representa uma aliança com Deus.
Os anjos da humanidade possuem costumes e leis admiráveis. Devem aprender a vibrar positivamente, ter mais coragem e não se conformar com as opiniões correntes das massas. Também devem ser inimigos da impureza, da ignorância e da libertinagem. Terão muito respeito pelos seres humanos, honrando suas palavras. Essas almas imortais viveram por muitos séculos seguidos aqui na terra. Os anjos terrenos nunca poderão transgredir essas leis, deixando-se dominar pelo anjo contrário. Se isso ocorrer, sua missão não se cumprirá e tudo se voltará contra eles. A amizade ou mesmo a união de duas pessoas nascidas nos dias governados pelos anjos da humanidade é uma aliança divina com Deus. 
Texto extraído dos livros Anjos Cabalísticos e A magia dos anjos cabalísticos de Monica Buonfiglio



Um dia com minha filha e a vida no paraíso.

O dia de hoje foi maravilhoso. A presença de minha filha muda minha rotina, alegra meu coração e me enche de felicidade. Queria que tudo fosse Eterno. Ficamos até altas horas conversando, atualizando os papos e que conversas. Há dias ela me pediu a Barbie com o namorado; hoje, no nosso passeio da tarde, comprei-lhe o presente. Só que a Dra. Karine agora ensinou para ela sobre a "Barbie original".Meu Deus, antes eu a enganava com qualquer barbie. Agora, ela aprendeu a diferença. To ferrado. 

Selfie com o papai. 

A tarde na Frescale, trocou o sorvete pelo pastel e coca light. O nome "Rodrigo" na lata é homenagem ao nosso estimado amigo Dr. Rodrigo Vontobel. 

Tremidinha a foto dela...mas essa minha filha é demais. Hoje ela me saiu com uma demais. Pai, se eu namorar o Marcos a Karine vai ser minha sogra? E pode ser sogra e madrasta ao mesmo tempo? Explico-lhe que é muito nova para falar em namoro. Mas ela retruca, todas as gurias da minha idade já tem namorado. Eu fico espantado com essa geração. 

Hoje Nina andou de volta aos velhos lugares por onde sempre andava. As pessoas se lembram dela e exclamam: "como a Nina cresceu". Há pouco deixamos a Dra. Karine em seu consultório e a Nina já recomendou: "Karine, hoje eu quero iscas de peixe, do Bodega". Como a Karine deixa fluir: "e o que tu quer beber meu anjo?". Modesta, Nina responde: "qualquer coisa, mas pode ser um suco de uva original". Assim é a vida. A Dra. Karine é uma psiquiatra muito sutil. Percebendo que eu estava com a barba longa, ontem ele chegou para nós com duas sacolinhas do Boticário. Um perfume para Nina e um creme de barbear e uma loção pós-barba. Só que não falou nada, apenas eu entendi o recado. 



CONVITE DO PASTOR DIONÍSIO COSTA E DA IGREJA ASSEMBLÉIA DA DEUS: Hoje, das 19:30 às 21:00 horas, venha, com seus amigos e familiares, adorar a Deus no PSE (em frente ao INSS). Preletores visitantes: irmãos Gustavo e Iris de São Francisco de Assis.. vamos te esperar...ajude-nos a divulgar este convite...

Cenas de uma vida

Nina com o papai, no escritório, nessa madrugada. 

Karine fotografou-nos na floresta, na caçada aos monstros. E o pior é que têm babacas que acreditam.

A minha filha é também minha fotógrafa, concorre com a Dra. Karine.


Cláudio Cardoso e Toninho darão as cartas

Os desdobramentos da política local ficam cada dia mais claros. A saída de Rodrigo Gorski de cena não mudou o quadro. A oposição continua como sempre esteve, sem um rumo claro e definido e ainda mais embretada, o que é uma lástima. 

Tenho uma informação nova. Marcos Peixoto, conselheiro, tomou a decisão de não mais concorrer a prefeito e vai apoiar a candidatura do seu filho Marquinhos Peixoto a vereança. Com essa decisão formal, agora ficam dois nomes de peso: Cláudio Cardoso e Toninho. Tiago Gorski, ao meu ver, qualquer que seja o nome, deve ser o candidato a vice-prefeito.

Toninho é um nome muito forte, é uma pessoa honrada, tem uma vida conhecida e sua conduta é ilibada. Quebrou, mas nunca roubou. A sociedade sabe disso. Ademais, pesa ao seu favor o fato de arrastar uma fatia expressiva do PMDB. Em qualquer hipótese é um nome potencial e vem com a experiência, baita experiência. 

Cláudio Cardoso seria um candidato para superar os 20 mil votos. É altamente carismático, não tem inimigos, não tem rabos, tem uma vida limpa e honestíssima e vive pregando a paz e o amor. Cláudio, candidato a prefeito, seria o maior passeio para o PP, aliás, nem teria corrida. E ainda com Tiago Gorski de vice, o passeio seria ainda maior. E Cláudio ainda conta com o apoio de super-Ruderson e do império dos Sagrillos. Pega votos dos evangélicos aos espíritas. A comunidade católica lhe é altamente simpática. 

A oposição vai tentar fazer legenda. Vai apostar tudo na proporcional. O PT, sozinho, não elege um vereador. O PDT fará dois. O PMDB deverá fazer 3 ou 4. 

A grande incógnita que ainda paira no quadro sucessório municipal é o PSD de Guilherme Bonotto, Bianchini e o grupo dos Peixotos. Acredito que eles sabem ler bem a conjuntura e não se atreveriam bater de frente com Cláudio Cardoso. 

Curiosamente, nunca o quadro municipal esteve tão bem delimitado.  

terça-feira, julho 28, 2015

Polícia Civil

Após muito refletir, após pensar, analisar prós e contras, formei minha opinião sobre a eventual ocupação do prédio do FORUM ESTADUAL.

Esse deve mesmo ser ocupado pela Polícia Civil. E explico-me: o prédio atual está muito mal de instalações físicas, as salas são pequenas e até o desenvolvimento do trabalho cidadão dos policiais civis locais fica prejudicado em face da precariedade.

Ademais, isso é juízo subjetivo meu, como jornalista e sociólogo, noto a extensão da honradez e da seriedade da nossa polícia civil. Nunca ouvi falar de nossos policiais envolvidos em corrupção, são pessoas decentes, gente muito limpa, sobretudo, dedicados e aplicados. Também por isso sua reivindicação por novas instalações são justas e merecidas. 

Todos sabem que eu apóio o Bianchini, é um baita deputado, votei nele, mas confesso que até hoje não entendi direito o projeto dele para ocupação do prédio do FORUM. Os problemas estruturais e infra-estruturais de nossa economia, não se relacionam com a questão de um prédio. Isso se revolve até embaixo de uma barraca; estamos na metade sul pobre, temos o crônico problema de energia, ausência total de infra-estrutura, não temos uma política de industrialização e nem relação dessa com a matéria-prima local. O furo da economia é muitíssimo mais embaixo, coisa que um prédio não vai solucionar, pelo contrário, vai apenas gerar mais despesas, pois o diagnóstico da nossa pobreza e desemprego abundante até a Nina já está quase sabendo fazer, de tão simplório que é.  

Portanto, após muito refletir, torno público minha posição. Sou pela Polícia Civil, altamente convicto dessa tomada de posição. 

A vida e a doença


Nessa segunda-feira, jantando no Batista, noite típica da casa. Nina e a Dra. Karine, que tem sido nossa aliada, companheira e amiga. 

Minha filhinha está comigo. Os sentimentos são bons, claros, mas a incerteza permanece. Nina entra no quinto tratamento com antibióticos visando combater uma bactéria que contraiu. E nada. Ontem, um médico pediatra me disse que essas cargas de antibióticos tendem a detonar os rins da criança. Isso é horrível. Agora ela está com uma lesão embaixo do queixo, nas mãos e uma na perna. E nada de a cura acontecer. A legalidade para mim é um sistema que aceita quem quer. 

segunda-feira, julho 27, 2015

PDT

Fábio Monteiro, Presidente do PDT local, juntamente com o Presidente do setor jovem do Partido, já marcaram uma janta com a Dra. Karine. No cardápio, um convite oficial para que ela se filie ao PDT. 


Igreja Missionária Cristo Está Voltando promove o maior culto da história de Santiago

Dependências lotadíssimas, pessoas às centenas nas galerias e um público incontável do lado de fora. Um fenômeno, sem a menor sombra de dúvida. Algo nunca visto em Santiago. 

Minha filhinha e eu, nas galerias, na parte reservada as autoridades e convidados especiais. 

Talentoso Secretário de Gestão Thiago Gorski, que é evangélico, com sua filhinha. 

Pastor Cláudio Cardoso, líder dessa monumental obra, junto com Nina, minha filhinha amada. 
Pastor e Advogado Dionísio Mello da Costa, Presidente da Igreja Assembléia de Deus,  presente na solenidade de inauguração da Igreja Missionária, ofertou uma Bíblia a Médica Karine Peixoto,  minha amada noiva. Karine ficou profundamente emocionada com o gesto do Pastor. Chamou-me muito, mas muito a atenção, quando o Pastor Cláudio citou o nome do Pastor Almarino Costa e esse foi longamente aplaudido, reconhecimento do público evangélico à sua obra e ao seu trabalho. 

Nina encontrou no culto a Professora Ariele (com seu filhinho). A professora da URI é também evangélica, pessoa querida, sensível e muito amável. Seu bebê é uma graça total.


As últimas

Rafael Nemitz tem tudo para ultrapassar os 3 mil votos como candidato a vereador. É um canhão e goza da confiança do povo dos bairros.

==

A Dra. Karine foi tomada de surpresa nesse final de semana, toda uma cúpula partidária bateu à sua porta. Entendem que ela é um nome potencial para o Executivo. Nem ela tinha imaginado isso. 

==

Verdes locais deixam o PV. O destino destino deve ser o PP.

==

Claudio Cardoso, THIAGO Gorski, MARCO PEIXOTO, e Toninho, um dos 4 será o sucessor de Ruivo, que tá de cara comigo, passou por mim e não me olhou. Perda de tempo, o Júlio é meu amigo e ele precisa entender que precisamos botar ordem na saúde. Ruivo não é bobo ele sabe que já falam abertamente no nome da talentosa Liana Canterle e que rola um abaixo assinado refletindo esse problema da saúde...e tem a assinatura de um ex-prefeito pepista. 

==

Pra mim, o triunvirato já está formado: Marco Peixoto, Bianchin, Guilherme Bonotto (e Ruderson dando as cartas por fora). 

Dra. Karine Peixoto, foto e arte das crianças, Nina e Marcos, nesse final de semana


domingo, julho 26, 2015

Sim, eu fui já casado

Devido a uma confusão, decidi fazer um esclarecimento público. Fui casado no civil e no religioso uma única vez na minha vida. Essa linda moça, a Mara, que mora em Milão, na Itália, foi minha primeira a única esposa. Ela é santiaguense, Designer,  filha do falecido Dr. Constantino. Mara é uma pessoa fantástica, um coração bom, uma pessoa alegre, festiva, de bem com a vida, sobretudo, minha amiga, minha grande amiga. Vem de uma família decentíssima, gente estudada, gente muito culta. Infelizmente, recentemente perdeu seu irmão num acidente de carro, jovem advogado recém formado pela UFRGS, o que traumatizou a todos. Mas a vida segue. Faço esse esclarecimento público, inclusive de acordo com minha noiva e com quem vou me casar, Dra. Karine Peixoto, pois muitos acham que eu era casado com a mãe da Nina. Meu único casamento perante as leis de Deus e o Estado foi com Mara.