sexta-feira, setembro 02, 2011

Um dia a mais em nossas vidas

Minha sexta-feira em Porto Alegre começou cedo. A Lizi teria aula das 9 da manhã até às 17 horas. Saímos cedo e hoje - excepcionalmente, levamos a Nina junto. O trânsito em direção ao campus Vale não fluía e acabamos chegando atrasados no Instituto de Ecologia. Menos mal que a Nina dormiu em sua cadeirinha.

Deixei a Lizi no campus de fui para o Centro, onde tinha uma missão: revirar os sebos e livrarias atrás de alguns livros de Ecologia para a Lizi e achar dois bons dicionários de inglês.

Quando cheguei no Centro de Porto Alegre, na Riachuelo, onde achei um estacionamento, a Nina acordou.  Queria papá...que situação. Antes das livrarias, levei-a até a Praça Matriz e ela fez a festa nos brinquedinhos e balançinhos. As madames que povoam a paisagem da Praça com seus cachorrinhos (xixizando e cocozando o coração da capital) encantam-se com a Nina...elogios e mais elogios, beijos e até fotos. Eu é que faturo alto, mas do alto de minha seriedade.

Livrarias e livrarias, sebos e mais sebos...quando vi já estava com mais uma pilha de livros embaixo dos braços. Guardo-os no carro e vou até o Edifício Tribuno, onde o amigo Ruy Gessinger me esperava para almoçarmos. O prédio é suntuoso, porém a cor escura dominante assusta a Nina.

A Dra. Patrícia, do Escritório Gessinger, reconhece a NINA e sorri feliz. Delicada, a Nina responde à meiguice com seus tradicionais beijos.

Fomos conduzidos pela Advogada até a sala de Ruy Gessinger que  logo aparece ... majestososo, de gravata, sorridente e feliz com nossa presença.

Conversamos por um longo período, trocamos idéias sobre alguns assuntos enquanto a Nina brincava divertidamente...mas fez uma sujeira singular com as bolachas de chocolate...

Antes de sairmos para o almoço, num restaurante ao lado do Edifício Tribuno (sei que é lá que o governador Tarso Genro almoça), precisei trocar as fraudas da Nina. Foi uma cena e tanto...o Ruy não se acanhou e acabou me ajudando na difícil tarefa.

Colorado, presenteou a Nina com uma camiseta do Grêmio, em homenagem aos pais que são gremistas.

Foi um almoço maravilhoso, conversamos longamente. O Ruy é uma pessoa fantástica, um amigo de bom coração e uma pessoa sensível e meiga.

Separamo-nos no Centro de Porto Alegre e segui viagem para Novo Hamburgo. A Nina adora viajar com os vidros abertos e curtindo o vento em seu rosto. Ela sorri, sorri, sorri...até que dorme. Quando já estava no Centro de Novo Hamburgo a Eliziane me liga. Feliz e eufórica quer me contar uma grande novidade, uma novidade fantástica. Ela está feliz, quase engasgada de emoção com a reunião que teve com a coordenação do PPG.

A Nina segue dormindo, ouço a Lizi, ouço-a com calma, deixo-a falar...

Prometo a Lizi que às 17 horas estarei na UFRGS para pegá-la. Ela me recomenda para eu não me fresquear com as chinas. Prometo-lhe lealdade e sigo meu rumo.

Foi um dia a mais em nossas vidas. Um dia encantador, maravilhoso.